SEXTAS SUSTENTÁVEIS 2018

SEXTAS SUSTENTÁVEIS 2018

DO QUE SE TRATA

Tratam-se de sessões de tecnologia e sustentabilidade sobre vários produtos e equipamentos para a construção com base em premissas de sustentabilidade. Assim, apenas são abordados produtos e equipamentos que possam, em qualquer uma das fases da construção, contribuir para um melhor ambiente construído, proporcionando uma maior eficiência de recursos, como a poupança energética, o menor consumo de água e a minimização de produção de resíduos. A origem dos materiais e a sua capacidade de reciclagem também não será descurada.

ONDE

Estas ações terão lugar numa empresa de materiais de construção que se disponibilize para acolher os participantes.

PARTICIPAÇÃO

O número de participantes varia entre os 30 e os 120, normalmente estudantes ou profissionais da área, interessados no desenvolvimento mais sustentável do setor da construção. A participação nestas sessões é gratuita, mas está sujeita a uma inscrição prévia, a realizar no site do PCS www.csustentavel.com

PRÓXIMAS AÇÕES

28 de setembro PNEUGREEN | ÓBIDOS
12 de outubro COBERT | TORRES VEDRAS
19 de outubro BOAVISTA | MATOSINHOS
26 de outubro CS – COELHO DA SILVA | BATALHA
16 de novembro VICAIMA | VALE DE CAMBRA

inscrições e programas disponíveis em breve

CONCEITO E OBJETIVOS

Para além de se pretender que cada sessão possa visar a apresentação especializada de um produto, ajustando-o às necessidades técnicas do exercício profissional dos interessados, também se espera que possam servir de fonte de sensibilização para a necessidade premente de um novo rumo para o setor, fazendo-o evoluir como um exemplo no desenvolvimento sustentável, tão necessário ao planeta, e contrariar a tendência que fez dele um dos setores mais poluentes.

Um conhecimento aprofundado dos produtos e equipamentos já existentes no mercado que possam diminuir os impactes ambientais negativos e melhorar o ambiente construído, estimulando uma melhor utilização e otimização no âmbito do projeto e da obra, serão premissas fundamentais para que este paradigma venha a ter sucesso.

Em conjunto com as empresas, pretende-se que estas sessões sirvam também como uma ferramenta adicional para o trabalho dos arquitetos e demais profissionais, numa perspetiva mais prática e facilitadora da sua profissão.

CONTEÚDOS E MATERIAL DIDÁCTICO

As empresas participantes e o Portal da Construção Sustentável (PCS) serão responsáveis pelo conteúdo da conferência, respetiva apresentação e distribuição de material didático (ex. catálogos e amostras) aos participantes.

EXEMPLOS DE SEXTAS SUSTENTÁVEIS JÁ REALIZADAS

GYPTEC IBÉRICA | FIGUEIRA DA FOZ;

Fomos conhecer a Gyptec Ibérica S.A. – Gessos Técnicos;

Empresa de capital 100% nacional e inserida no Grupo Preceram, dedica-se à produção de placas de gesso laminado, através de métodos não poluentes e ambientalmente sustentáveis desde 2009. A unidade industrial da Figueira da Foz utiliza como matérias-primas papel reciclado e gesso FGD, subproduto das centrais termoeléctricas portuguesas, evitando a exploração mineral de gesso e contribuindo para a preservação dos recursos naturais.

CS – COELHO DA SILVA | LEIRIA;

Visitamos as várias fábricas da CS-Coelho da Silva.

Com uma posição de grande relevo no fabrico de telhas cerâmicas e acessórios para revestimento de coberturas e fachadas, a CS tem hoje uma capacidade produtiva anual de 57 milhões de unidades e é já uma forte referência internacional. Na exploração dos barreiros, no fabrico de telhas e acessórios, no desenvolvimento de novos produtos ou de novas unidades de produção são sempre otimizados os consumos de matéria-prima, consumos de energia, reduções das emissões de CO2 e de poeiras e gestão de resíduos. Além de que todos os barreiros em fim de exploração são alvo de reabilitação.

UM – UMBELINO MONTEIRO | POMBAL;

Fomos conhecer as instalações da Umbelino Monteiro.

A UMBELINO MONTEIRO está totalmente comprometida com a construção sustentável, dedicando grande atenção à redução do seu impacto ambiental, à prevenção da poluição e gestão de forma eco-eficiente dos recursos, bem como ao desenvolvimento de sistemas de coberturas que permitem ganhos significativos na construção da sustentabilidade.

TISEM | FIGUEIRA DA FOZ;

Fomos visitar uma obra executada pela Tisem.

A TISEM atua na área da construção em madeira e sustentabilidade sendo assessores qualificados do sistema BREEAM, projetistas Passive House e fornecedores de soluções com sistema construtivo em painéis de madeira CLT (representação KLH).